5 dicas para você montar sua equipe externa! - Auvo - Plataforma de Gestão de Equipes Externas

Olá, hoje abordaremos como montar a equipe certa para você colocar na rua.

Montar a equipe certa é muito difícil, quando se trata de pessoas que vão trabalhar na rua a dificuldade é ainda maior já que elas não estarão sempre a sua vista, podendo ter o rendimento abalado por se sentirem “livres”. Portanto deveríamos gastar uma energia realmente considerável na escolha desses profissionais. Para empresas que possuem departamentos de RH responsáveis pela contratação, eu deixo a dica; não deixe tudo isso somente a cargo deles. Quem vai gerenciar a equipe é você, portanto seja mais participativo na escolha dos profissionais.

Abaixo estão 5 dicas para você montar uma equipe eficiente e preocupada com o rendimento.

Dica 1: Antes da contratação, elabore um perfil detalhado sobre que tipo de profissional você busca.

Antes de anunciar a vaga aos quatro cantos, elabore um perfil do tipo de profissional que você busca. E isso depende muito do tipo de cliente que ele irá atender, qual seu produto e a filosofia que a empresa possui em relação aos colaboradores. Qual faixa de idade, experiência profissional (já trabalhou como mesmo segmento anteriormente?), cursos e conhecimento adquirido, perfil psicológico (extrovertido, reservado e etc).

Portanto primeiro, saiba quem você está procurando. Dessa forma, quando você encontrar o profissional, terá certeza que ele atende aos reais requisitos da vaga.

Dica 2: Coloque o anúncio das vagas nos lugares corretos

Muitas vezes quando vamos colocar mais uma pessoa na equipe, ficamos eufóricos para encontrar o novo funcionário rapidamente para que os resultados esperados sejam rápidos. Isso faz com que espalhemos anunciemos a vaga em qualquer lugar e no máximo de lugares possíveis. Acredito que isso seja um erro que pode causar uma perca de tempo e frustrar o entrevistador. Existem métodos de busca de profissionais que são mais rápidos e incisivos, você não terá que fazer dezenas de entrevistas e poderá ter um resultado muito melhor. Um método que eu indico é garimpar pessoas no Linkedin. Lá você tem acesso ao perfil de mais de 15 milhões de profissionais de todas as áreas, e obviamente muitas pessoas que trabalham na rua. Leia o perfil das pessoas, veja onde trabalhou e já pegue antigas referências em outras empresas. Tudo isso agiliza o processo de seleção. Sem contar que dentro da própria ferramenta você pode enviar mensagens e convidar para uma entrevista.

Caso sua empresa possua um departamento de recursos humanos para selecionar o currículo e trazer os profissionais, peça que você seja incluído no processo, afinal de contas é você que lidará com o profissional.

Dica 3: Redes sociais

Uma das coisas que sempre faço é ver o perfil das pessoas que mais gostei no Facebook e Twitter. Olhar o que a pessoa posta, e o que ela pensa sobre alguns temas pode fazer a diferença para você ter uma noção de com quem irá trabalhar. É importante que você faça essa avaliação sem preconceitos. O importante é saber se ela é uma pessoa atualizada, e que sabe o que está acontecendo no país e no mundo.

Para um profissional que integrará uma equipe externa é importantíssimo que ele esteja atualizado. Conversar com os mais variados tipos de clientes requer um jogo de cintura e você não deseja que seu vendedor fique sem ter o que dizer em certas situações.

Dica 4: Profissionais de entrevista

Tem pessoas que são os chamados “profissionais de entrevista”. Eles em um primeiro momento parecem perfeitos. Pessoas cativantes que fazem você imaginar seu departamento crescendo a passos largos com ele na equipe. Provavelmente você já deve ter se deparado com eles em algum momento. Cuidado, pessoas assim normalmente são pouco focadas, e além de se desmotivar, atrapalham o restante da equipe. Para evitar ser emboscado por eles sempre busque referências. Seja incisivo, pergunte se eles contratariam novamente e se a pessoa tinha um perfil dedicado e focado. Eles conhecem mais essas pessoas que você, por isso tenha sempre a humildade de ouvi-lo.

Um dos indicativos que mais acontecem com os “profissionais de entrevista” são as promessas. Eles costumam prometer resultados a curto prazo, dizem que vão iniciar vários projetos e que vão “vender como nunca esse maravilhoso produto”. Oras, se um profissional com todo esse gabarito está desempregado, algo está errado. É claro que nem sempre uma pessoa desempregada não pode ter seus talentos, mas sempre fique alerta com esse tipo de comportamento.

Dica 5: Gerencie as tarefas

Enfim você encontrou o profissional que atendeu a todos os requisitos. Contratou. Para esses profissionais é importante que você tenha um acompanhamento mais de perto durante os seis primeiros meses. Por isso para gerenciar sua equipe externa, indicamos o Auvo. Com ele você vai saber quantas visitas, aonde foi, e qual o tipo de cliente que seu novo colaborador mais visita. Com essas informações em mãos fica fácil você traçar as melhores práticas e aumentar o rendimento deles.

Gestão de equipes externas é algo muito difícil, e sem um sistema como o Auvo você pode ficar perdido e pior seus novos colaboradores sem um norte para trabalhar de forma correta. Conheça a ferramenta em www.auvo.com.br.

Com estes 5 passos que vão desde a elaboração do perfil até a gestão do novo profissional, você poderá contratar vendedores mais preparados para o trabalho.

Gabriel é CEO da Auvo e já ajudou mais de 1500 empresas a aumentarem a produtividade da sua equipe de campo. Além disso gerenciou equipes externas durante 7 anos e sabe bem as dores de um gestor.