O PCM é a peça fundamental da gestão da manutenção. Serve de apoio estratégico para todas as atividades do ramo e, por isso, as equipes de campo também são influenciadas pela sua execução.

Como o PCM pode melhorar o desempenho das equipes externas? De muitas formas!

Por ser um dos pilares fundamentais da gestão da manutenção, o PCM não só melhora o desempenho, como organiza, agiliza e garante melhores resultados das equipes de campo.

Continue a leitura e conheça os benefícios do PCM para sua organização e para a gestão das suas equipes externas!

O que é PCM?

PCM é a sigla para Planejamento e Controle da Manutenção. Trata-se de uma área da gestão da manutenção que cuida da parte estratégica e tática da empresa.

Por isso, gerencia todas as atividades de manutenção, como: planejamento, controle, custos, tempo, estado de conservação, índice de disponibilidades, tempo de falhas, e muito outros indicadores.

É responsável, também, por ditar o ritmo das manutenções de acordo com as metas e objetivos da organização.

Seu maior objetivo é garantir e aumentar a disponibilidade e confiabilidade dos ativos e, para isso, precisa definir as melhores ações entre mão de obra, tempo e dinheiro.

Por isso, as equipes de manutenção são a força motora do PCM. Os colaboradores que realizam as manutenções são parte ativa do sucesso do PCM e, por causa disso, o bom desempenho do setor e das equipes estão correlacionados.

As pessoas são a peça-chave do processo de PCM. Sem uma gestão de equipes cuidadosa, não é possível ter sucesso nos processos.

Administrar bem as pessoas significa administrar o que elas fazem como parte da organização, portanto, é importante investir parte do orçamento de manutenção na capacitação dos técnicos.

Treinamentos, workshops, cursos dados pelos fabricantes dos equipamentos, cursos de atendimento ao cliente e, no caso de equipes externas, treinamento com sistemas de gestão de equipes para o bom uso da ferramenta.

Tudo isso é primordial para atingir os objetivos da organização.

Benefícios do PCM para o desempenho de equipes

Existem inúmeros benefícios para o desempenho de equipes de campo com a implantação do PCM.

Aqui, listamos 3 dos principais benefícios que são mais perceptíveis aos gestores das equipes externas. Confira:

1# Melhoria na produtividade

O fator de produtividade é um dos pontos mais discutidos no setor de manutenção. Apesar disso, nem sempre os gestores de equipes dão a devida atenção a esse indicador.

Segundo a Engeteles, nos EUA e na Europa, os índices de produtividade estão em 25 a 35%. No Brasil, esse número cai para 12 a 25%, o que significa um nível altíssimo de improdutividade.

As razões para essa diferença tão grande podem ser inúmeras, desde a gestão do PCM até o fator cultural, o desafio da manutenção brasileira é aumentar a produtividade das equipes e se equiparar ao mercado internacional.

O PCM influencia diretamente na produtividade por ser o setor que determina as visitas, os processos das manutenções, sejam elas preventivas, corretivas ou preditivas, determina os horários e as reuniões de feedback… Enfim, tudo que está relacionado às atividades do técnico.

O papel do PCM é fazer todo esse planejamento de forma estratégica para melhorar a performance das equipes. Por isso, para auxiliar nesse processo é imprescindível a utilização de um sistema de gestão de equipes, como o Auvo.

No Auvo, é possível ter informações das visitas feitas, como o tempo de duração, avaliação da satisfação dos clientes, e muitas outras funcionalidades que abastecerão o planejador de dados sobre as atividades em campo.

Com dados precisos, é muito mais provável construir um PCM eficiente, que transformará os colaboradores em equipes de alta performance.

2# Otimização do agendamento

A parte de planejamento é a mais importante do PCM. Com ela, é possível gerir os objetivos da organização com os planos de manutenção.

Por isso, o agendamento de visitas é tão importante nessa etapa do planejamento, ele deve ser feito de forma estratégica, assim como todas as ações do PCM.

No primeiro momento, é preciso colher informações das atividades em campo (o Auvo pode ajudar nisso, como já falamos anteriormente), como os recursos disponíveis, o tempo de cada tipo de manutenção, os estados dos equipamentos, entre outras.

Após a análise desses dados é possível construir um cronograma adequado. Um cronograma bem feito influencia na produtividade das equipes, no andamento das manutenções, e até no bom atendimento ao cliente!

Além disso, é preciso pensar na quantidade de tempo para uma manutenção eficiente, porém, não deixar tempo demais para que não fique um período ocioso ao colaborador.

Percebe como é importante otimizar o agendamento para a gestão das equipes?

No Auvo, o cronograma pode ser muito mais eficiente por automatizar algumas funções que podem tomar muito tempo do PCM, como a roteirização.

Nesse sistema, também é possível definir as rotas das equipes externas de forma automática, baseando-se na localização e também na prioridade da tarefa.

Pode-se visualizar todas as tarefas de forma clara e objetiva, e ainda remarcar visitas ao passo de um clique! Sem falar na possibilidade de marcar várias visitas de uma só vez através de planilhas.

3# Acompanhamento

Outra fase extremamente importante do PCM é a fase de acompanhamento e verificação.

Essa fase corresponde à verificação de todas as ações de manutenção, se elas coincidem com as metas da organização, e se tudo está saindo como o planejado.

Primeiramente, verifica-se a elaboração do cronograma, se ele corresponde ao esperado e se trará em números os resultados de confiabilidade e disponibilidade determinados previamente.

Durante as visitas em si, o PCM também tem o papel de acompanhar as equipes e dar feedbacks constantes do trabalho realizado.

É responsável, também, por buscar por soluções para qualquer irregularidade que aconteça, para que o planejamento total não seja comprometido.

Esse acompanhamento é muito importante para gestão de equipes, pois, além de garantir que as atividades estão sendo feitas da maneira desejada, permitindo correções e mudanças de cronograma durante o curso das atividade, é importante também para gerar confiança na equipe.

As equipes de campo são a parte operacional do PCM, são elas que agem diretamente com a segurança das pessoas e equipamentos que estão sob a responsabilidade da organização.

Por isso, é preciso criar esses laços de confiança baseados em dados colhidos em campo para que as falhas sejam evitadas.

Um sistema de gestão de equipes externas também auxilia nisso, com um acompanhamento em tempo real das visitas e relatórios completos das atividades executadas.

Um bom PCM se apoia em soluções tecnológicas como o Auvo, que dão autonomia ao planejador e melhora do desempenhos das equipes.

Conte conosco para deixar o seu PCM e suas equipes de campo cada vez mais ágeis e eficientes. Que tal testar o Auvo por 3 dias gratuitamente?

Lorrayne é redatora da Auvo, responsável por criar conteúdos que ajudem os gestores a formar uma equipe externa de alta performance.

Related Post